A Nova Campanha do Hornet no Metrô Retrata a Vida Real de Homens Gays

This post is also available in: Inglês Francês

Nesse mês, a rede social gay Hornet lançou uma nova campanha na estação Consolação do metrô de São Paulo — que atende milhares de passageiros diariamente.

O redator publicitário Marcio Rolim escreveu em sua página pessoal sobre a campanha — e entendeu perfeitamente a intenção por trás dela. Como não podíamos explicá-la de maneira melhor, reproduzimos aqui suas palavras:

O Hornet colocou nos quadros que percorrem a parede das escadas rolantes, imagens de rapazes gays em momentos de carinho [abraço, cheiro, beijo] e usou a diversidade de raças na escolha dos modelos. Quando a gente desce a escada, não tem como não ser impactado pelas imagens que, de alguma forma, não apenas desmistificam o aplicativo que é sempre visto como “app de pegação”, mas também apresentam à sociedade o que se deve ser compreendido e ensinado desde cedo a todos nós: o amor, o valor, a amizade, o sexo, entre pessoas do mesmo gênero é óbvio desde o início do mundo.

Há uma semana, desde a entrada da campanha, eu observo os olhares das pessoas para as fotos. Há quem expresse susto, quem olhe de rabo de olho, quem olhe com indignação, quem nem olhe. E são apenas fotos de rapazes sorrindo, se abraçando em parques, felizes na sala de estar, jantando, lendo um livro juntos… aquilo que todo mundo quer fazer, mas acha que o gay não pode, ou que pode, desde que esteja dentro de quatro paredes.

A ação é incrível pela sua simplicidade e pela forma como apresenta o gênero, a orientação e a relação entre essas pessoas que, sim, podem ter se conhecido através de um aplicativo [para sexo ou para uma relação duradoura].

O mundo mudou, bem como as formas de se encontrar alguém [ou alguénS]. E quem não quiser lidar com isso, que feche seus olhos, porque eu, ele, elas, vamos andar com os olhos e os corações bem abertos para toda forma de amar e contra a LGBTTfobia.

E aqui temos os cartazes que fazem parte dessa campanha publicitária na estação Consolação.